A Escola Municipal Professora Honorina Costa promoveu um concurso interno com o objetivo de incentivar a participação dos alunos na 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa. A estudante Kaylani Rafaela Teles Caldeira dos Santos, do 8° ano, conquistou o primeiro lugar. A iniciativa reconheceu os 10 melhores textos.

O concurso realizado na unidade de ensino, idealizado pela professora Marta Leite, contou com o envolvimento dos discentes. Para Kaylani Rafaela Teles Caldeira dos Santos,uma grata surpresa saber que conquistou o primeiro lugar no concurso da sua escola. A jovem não escondia a emoção ao comentar sobre o reconhecimento.

“O apoio da professora foi fundamental. Confesso que não sabia que era capaz de escrever bons textos. Essa atividade me fez olhar de uma maneira diferenciada para a minha comunidade. Passei a reconhecer as belezas do Povoado Porto Grande”, disse, ao agradecer a professora e toda equipe pedagógica.

Concurso

Segundo Marta Leite, todos os textos apresentados foram crônicas e a atividade permitiu despertar nos estudantes o interesse pela produção textual. “Os alunos participaram de oficinas. Agradeço o apoio das Secretarias Municipal de Educação (Semed), pela realização da iniciativa, e da Municipal de Cultura pelo empréstimo dos livros de crônicas”, reconheceu.

Ainda de acordo com a docente, a ação foi importante para a descoberta de novos talentos, incentivar o protagonismo juvenil. Além disso, foi uma forma de colaborar no processo de ensino e aprendizagem. “A iniciativa foi importante também para despertar o sentimento de pertencimento, ampliar os conhecimentos acerca do espaço onde os estudantes residem. Dessa maneira, foi uma forma de valorizar a cultura local”, explicou.

A diretora da unidade de ensino, Rosivânia da Silva Santos, parabenizou o empenho e dedicação da professora Marta. “Atividade como essa permite que os alunos possam cada vez mais aprimorar a produção textual e também o interesse pelo hábito da leitura”, observou.

Comissão julgadora

A equipe que avaliou os textos foi formada pela secretária, Maria das Graças Araujo da Paixão, professor de língua portuguesa, Diego Santana Nunes e a representante da comunidade, Nayara Alves Marques.

Premiados

O concurso reconheceu os 10 melhores texto e premiou os três primeiros colocados. O vencedor foi “O Navegueiro”, de Kaylani Rafaela Teles Caldeira dos Santos; o segundo lugar foi do texto “O Porto Grande”, de Myrela Nascimento Alves; já o terceiro foi “Festa Socorrense Arretada”, de Rayanni Santos Moura.

6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa

A Olimpíada de Língua Portuguesa é um concurso de produção de textos para alunos de escolas públicas de todo o País. Trata-se de uma iniciativa do Ministério da Educação (MEC) e do Itaú Social, com a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (CENPEC), a Olimpíada integra as ações desenvolvidas pelo Programa Escrevendo o Futuro.

Neste ano, o tema das produções é “O lugar onde vivo”, que propicia aos alunos estreitar vínculos com a comunidade e aprofundar o conhecimento sobre a realidade local, contribuindo para o desenvolvimento de sua cidadania.

Por: Lívia Lessa

Acessibilidade