Através da ação conjunta entre as Secretarias Municipais de Transportes e Trânsito (SMTT), Saúde (SMS), Meio Ambiente (Semma) e Assistência Social (Semas), além da Guarda Municipal, Polícia Militar e as Cooperativas de Transporte Urbano, a Prefeitura de Nossa Senhora do Socorro realizou na manhã desta segunda-feira, 18, a primeira Blitz da Prevenção, em alusão às ações de conscientização promovidas pelo Maio Amarelo, mês que marca os trabalhos de educação sobre os riscos de acidentes e mortes no trânsito.

Nesta edição o combate ao coronavírus (Covid-19), também entrou em pauta e os motoristas que entraram em Socorro pelo conjunto João Alves, passaram por um controle de temperatura, feito com o novo termômetro digital infravermelho, e ainda, receberam informações de como se previnir, além de receberem álcool em gel, máscaras de proteção e adesivos de conscientização.

Mesmo com o decreto que obriga o uso de máscara dentro dos veículos, alguns motoristas e passageiros ainda circulam sem o uso da proteção. O Secretário de Saúde, Enock Ribeiro, ressalta a necessidade de seguir as recomendações. “Estamos fazendo todos os esforços para conter o avanço do vírus em nosso município, mas sem a ajuda da população tudo fica ainda mais difícil. Portanto pedimos que todos colaborem e usem sua máscara e só saiam de casa em caso de uma necessidade essencial” pontua o secretário.

O Agente de Trânsito, Helder Teles, explicou sobre o  descumprimento do uso de máscaras observado nessa ação. “Estamos em fase de instrução e conscientização para maior segurança dos motoristas e passageiros, por enquanto os motoristas não estão sendo autuados” conta.

Além do conjunto João Alves, a Blitz da Prevenção vai percorrer demais localidades do município. “Levaremos essa ação para outros pontos aqui de Socorro, como o Terminal de Integração do conjunto Marcos Freire II, Final de linha dos conjuntos Jardim e Parque dos Faróis e também nas feiras livres”, explica o superintendente da SMTT, Bruno Rezende.

Por: Lucas

Fotos: Neandes Rafael

Acessibilidade