Na manhã desta quarta-feira, 12, a Prefeitura de Socorro, por meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), promoveu uma palestra com estudantes do Instituto Federal de Sergipe (IFS) / Campus Socorro, em parceria com a Energisa para falar sobre “Eficiência Energética”, a ação faz parte de uma parceria entre o município e a empresa com o objetivo de utilizar recursos mínimos para geração de energia na cidade.

De acordo com o secretário da Semma, Hallison de Souza, a parceria que já viabilizou a troca de mais de 280 luminárias em diversas áreas do município, agora está promovendo espaços para levar cada vez mais informações sobre o assunto para os munícipes. “A palestra de hoje é decorrente de um parceria firmada entre a secretaria municipal de meio ambiente e a energisa, após a implantação das políticas de eficiência energética que já efetuou a troca de 287 luminárias da iluminação pública de Socorro, percebemos a necessidade de tratar o assunto entre a nossa população, como estamos inscritos no programa e fomos selecionados devido a nossa responsabilidade com os pagamento referentes a iluminação pública fomos contemplados com esses benefícios, que deverão se estender em outras etapas, dando continuidade nesse trabalho”, destacou.

Para o estudante Weslley Souza, é importante falar sobre o tema para conscientizar a população a respeito do uso consciente da energia. “Com essa palestra fica claro aos estudantes do IFS e ao convidados a importância de sabermos usar a energia em casa e como podemos melhorar esse uso diminuindo o consumo e ajudando a cuidar do meio ambiente”, pontuou.

O engenheiro de projetos e obras da Energisa, Guilherme Andrade Coelho, destacou que uma das razões para o município de Nossa Senhora do Socorro ser beneficiado na chama pública do projeto foi o fato de não haver débitos com a empresa. “Quando abrimos a chamada pública, estabelemos alguns critérios para os possíveis contemplados e Socorro atendia vários desses, inclusive o de ser bom pagador do serviço público de iluminação ofertado pela energisa”, ressaltou.

Por: Ana Lúcia Carmo

Fotos: Douglas Oliveira

Acessibilidade